Intoxicação alimentar durante a gravidez - como determinar e o que fazer

отравление при беременности O estado de gravidez é talvez a coisa mais linda da vida de toda mulher. Esperar um bebê é cheio de alegria e, com isso, um pouco de empolgação pelo bem-estar dele. Uma mulher grávida tenta seguir uma dieta adequada e ouve mais atentamente a sua saúde. No entanto, nem todas as futuras mamães conseguem evitar todos os problemas em 9 meses.

Um desses problemas é intoxicação alimentar. A propósito, o risco de intoxicação alimentar durante a gravidez aumenta significativamente e isso se deve às peculiaridades do corpo feminino. Aqui estão alguns deles:

  1. A imunidade durante a gravidez diminui e o corpo se torna mais suscetível a infecções, incluindo intoxicação gastrointestinal.
  2. Diversidade na nutrição dita a necessidade de experimentar novos pratos, legumes ou frutas. Todos, é claro, ouviram falar de um conceito como a perversão do gosto durante a gravidez (o desejo de comer alimentos incompatíveis ou incomuns).
  3. O trabalho intensivo de todos os órgãos e sistemas durante a gravidez leva ao seu alongamento e falhas. Por exemplo, as futuras mães freqüentemente sofrem de azia, arrotos, inchaço e constipação. Contra o pano de fundo de tais sintomas, a intoxicação alimentar com alimentos que não causariam intoxicação fora da gravidez é bastante fácil.

Causas de intoxicação alimentar em mulheres grávidas

что делать при пищевом отравлении при беременности As causas mais comuns são intoxicações alimentares.

Este grupo inclui:

  • produtos expirados;
  • produtos estragados (devido a condições de armazenamento inadequadas);
  • contaminação de alimentos por bactérias patogênicas ou suas toxinas (Escherichia coli, Staphylococcus em cremes, bolos, leite).

O segundo grupo de envenenamentos é o consumo de plantas venenosas, cogumelos ou substâncias químicas não comestíveis (por exemplo, uso acidental). Como resultado, qualquer intoxicação durante a gravidez leva a sintomas de intoxicação aguda.

Sinais de intoxicação alimentar em mulheres grávidas

Na fase inicial, o desconforto aparece:

  • falta de apetite;
  • arroto ou azia;
  • dor de cabeça ou tontura;
  • inchaço.

Gradualmente, os sintomas pioram e a dor abdominal ocorre devido ao espasmo dos músculos lisos do estômago e dos intestinos. Diz-se que a dor em caso de envenenamento pode não ser de todo.

Náuseas e vômitos se juntam depois de 30 minutos - algumas horas depois de comer. Para mulheres grávidas, o vômito repetido e grave é perigoso, pois leva a contrações intensas do útero, o que é especialmente perigoso no início da gravidez.

изжога симптом пищевого отравления беременной Fezes chateado (diarréia) também representa uma ameaça para a mãe, aumentando o tom do útero.

Vômitos e diarréia levam à desidratação do corpo feminino, perda de vitaminas e eletrólitos, espessamento do sangue e o risco de trombose nas veias das extremidades inferiores e da placenta, a liberação de oxitocina na corrente sanguínea.

Com envenenamento grave, sintomas tão graves como colapso (queda da pressão arterial), aumento da temperatura corporal até 39-40 graus Celsius, choque hipovolêmico (uma diminuição significativa no volume sangüíneo devido à perda de fluidos), choque tóxico infeccioso, alucinações e convulsões são possíveis. Estes últimos são muito perigosos para a mãe e para o feto.

É difícil dizer em que período da gravidez a intoxicação alimentar é a mais perigosa. A resposta a esta questão dependerá das características individuais do organismo, do tipo de toxina, da gravidade dos sintomas. Por exemplo, o envenenamento durante a gravidez nos estágios iniciais pode causar aborto espontâneo . Muitos venenos não passam pela barreira placentária, por isso não causam nenhum dano ao bebê. No entanto, as complicações acima podem afetar o feto da maneira mais negativa.

Toxinas de cogumelos venenosos, algumas drogas, álcool ainda penetram na placenta, então você deve ter um cuidado especial com elas.

O que as mulheres grávidas devem fazer se desenvolverem sintomas de intoxicação alimentar? Como dar a si mesmo e ao seu bebê os primeiros socorros?

Tratamento de intoxicação alimentar durante a gravidez

интоксикация при беременности O tratamento é o mesmo que em outros grupos de pacientes, apenas mais gentil.

Todos os tipos de sorventes (Enterosgel, Smekta, Polysorb) são usados ​​ativamente. Muitos estão interessados ​​na questão, é possível beber carvão ativado em mulheres grávidas durante o envenenamento? Claro, você pode e até precisa! Apenas para a absorção eficaz de toxinas no estômago, é necessário tomar pelo menos 4-6 comprimidos de carvão em dose única. Outros tipos de absorventes são ingeridos nos estágios iniciais da intoxicação (em caso de indisposição) ou após o vômito.

O reabastecimento constante de líquidos em pequenas porções é uma etapa muito importante no tratamento de intoxicações alimentares em mulheres grávidas. Por via de regra, 1-2 colheres de sopa de uma solução de Regidron ou água mineral cada 15 minutos até a secura desaparece. Um tratamento tão simples previne o desenvolvimento de muitas complicações da intoxicação.

O uso de drogas antidiarréicas e antieméticas em mulheres grávidas é proibido a qualquer momento, desde que haja um curso moderado de intoxicação alimentar. Em casos graves, as drogas são injetadas por via intramuscular ou escorrem em uma veia no hospital sob a supervisão de um médico.

Vamos falar sobre o que você pode comer grávida de envenenamento. No primeiro dia de tratamento, é melhor recusar-se a comer, tomando apenas chá doce ou água mineral não gaseificada. Em seguida, é necessário expandir a dieta gradualmente, começando com mingau na água, beijinhos, caldos, ovos, costeletas de vapor e carne de frango.

Em casos leves de envenenamento, as mulheres grávidas podem ser tratadas em casa. Durante o tratamento, os médicos aconselham a ouvir atentamente o seu corpo e o seu bebé. O fortalecimento ou desaceleração dos movimentos fetais no final da gravidez, uma mudança no batimento cardíaco e dores abdominais podem indicar algum tipo de sofrimento.

Intoxicações graves (especialmente cogumelos!) Com vômitos e diarreia repetidos, é necessária a hospitalização imediata de uma mulher grávida a qualquer momento e o tratamento na unidade de terapia intensiva.

Prevenção de intoxicação alimentar durante a gravidez

отравление при беременности профилактика Basta lembrar que a prevenção de qualquer intoxicação se resume a lavar as mãos antes de comer e comer apenas produtos comprovados e de alta qualidade. Só então não haverá conseqüências desagradáveis ​​de envenenamento durante a gravidez.

Futuras mamães, estejam especialmente atentas à sua saúde e, em seguida, todos os problemas vão contornar você e o lado do seu bebê!

carregando ...