Qual é a causa do impacto negativo da radiação nos seres vivos?

радиация и ее влияние на человека фото A imagem de um leque preto sobre um fundo amarelo-venenoso é um sinal internacional de perigo de radiação. Este sinal denota objetos e dispositivos que ameaçam a exposição à radiação: usinas nucleares, laboratórios físicos, locais de enterramento de resíduos de radiação, equipamentos médicos especializados, etc.

Seus autores eram físicos atômicos americanos que trabalharam na criação de uma bomba atômica e de hidrogênio. Por que seus criadores escolheram essa imagem? A versão mais aceitável é um trevo invertido - um símbolo da morte da natureza. Nós humanos somos parte dessa natureza, qual é o efeito da radiação radioativa nos organismos vivos?

Caminhos de penetração de radiação no corpo humano

Quando exposto à radiação em uma pessoa, ele recebe radiação. Quais são as maneiras de penetrar a radiação no corpo humano? Existem dois canais de penetração de radiação nos tecidos do corpo.

  1. Irradiação externa proveniente de raios cósmicos, átomos de elementos radioativos naturais e produtos de sua fissão. Tal perigo ocorre no teste de armas nucleares e situações anormais em usinas nucleares e outras instalações. Neste caso, a dose de radiação é formada a partir de raios-x e raios gama, bem como partículas beta de altas energias.
  2. Irradiação interna causada por substâncias radioativas que penetram no corpo com comida e água, através de cortes e outros danos na pele, e também com ar inalado.

виды радиации фото

Que tipo de radiação é mais perigosa para os humanos? É a irradiação interna que representa o maior perigo e consequências mais graves para o corpo humano.

Isso pode ser explicado da seguinte maneira: o átomo radioativo que entra no corpo entra em contato com o tecido irradiado e o tempo de ação é limitado apenas pelo período de sua permanência no corpo humano. Além disso, o efeito local da radiação é aumentado, pois as substâncias radioativas concentram-se seletivamente nos órgãos.

Infelizmente, os métodos de descontaminação usados ​​para irradiação externa são impotentes aqui.

Irradiação externa e interna

влияние радиации на организм человека Que tipo de radiação radioativa é mais perigosa com a exposição externa de uma pessoa? A exposição externa afeta uma pessoa apenas enquanto ela estiver na zona radioativa. O perigo é agravado pela presença de nêutrons no espectro da radiação externa. Essas minúsculas partículas, que não têm carga elétrica, penetram facilmente nos núcleos dos átomos. Como resultado, átomos de novos elementos radioativos são formados. Assim, uma fonte de irradiação secundária, já interna, aparece.

Como a radiação afeta o corpo humano? Vamos considerar com mais detalhes os processos que ocorrem durante a irradiação externa.

Algumas substâncias radioativas que entram no corpo através da pele entram no sistema circulatório e, juntamente com o fluxo sanguíneo, são transferidas para órgãos separados, criando altos focos locais de radiação.

O resultado da penetração de substâncias radioativas junto com a respiração depende do tamanho das partículas. внешнее воздействие радиации на человека фото A maioria deles é eventualmente removida junto com o ar exalado. As únicas exceções são átomos que entram em ligações químicas com tecido ósseo (urânio, zircônio, etc.).

Em consequência da exposição à radiação, as seguintes doenças ocorrem com maior frequência:

  • irradiação externa provoca queimaduras na pele e membranas mucosas de gravidade variável;
  • A irradiação de órgãos internos causa leucemia e processos tumorais.

Qual é a causa do impacto negativo da radiação?

O efeito negativo da radiação nos seres vivos é explicado pela seguinte razão: como resultado do forte efeito ionizante da radiação radioativa, moléculas muito ativas, chamadas radicais livres, são formadas em células vivas. Eles são agressores reais de todos os sistemas do corpo, danificando e matando as células vivas.

Como os radicais livres agem no corpo humano?

  1. Suas primeiras "vítimas" são células que se dividem rapidamente no trato gastrointestinal, nos órgãos hematopoiéticos e também nas células sexuais. Portanto, a radiação penetrante pode causar febre, náuseas, vômitos, diminuição das células do sangue e fezes moles.
  2. Órgãos e sistemas com menor intensidade de divisão celular sofrem principalmente alterações distritais (qualitativas) durante a irradiação.
  3. Para os tecidos delicados dos nossos órgãos visuais, a irradiação é extremamente perigosa - pode causar cataratas por radiação.
  4. Outra consequência grave da exposição é a redução da imunidade, esclerose vascular e alterações genéticas.

Efeitos genéticos da radiação

влияние радиации на организм человека
mutação em genes

Quais são as conseqüências genéticas da radiação? O mecanismo de transmissão de características hereditárias é uma estrutura muito delicada e sensível. Erros e falhas neste sistema podem ser causados ​​por várias causas, incluindo radiação radioativa.

Transformações em genes (portadores de informação hereditária) que ocorrem quando células sexuais irradiadas podem causar mudanças (mutações) nas células de um novo organismo. Este efeito negativo pode se espalhar para as gerações subseqüentes. A prole pode desenvolver distúrbios físicos e mentais. Mas esses desvios podem existir apenas na condição de que o gene defeituoso esteja conectado a outro gene que tenha o mesmo dano. Quanto menor o número de pessoas expostas à radiação, menor a probabilidade de ocorrência desses defeitos congênitos na prole.

Quais as consequências da irradiação dependem

O resultado da exposição à radiação nos organismos vivos depende de vários fatores:

  • tipo de radiação;
  • sua intensidade;
  • da suscetibilidade individual.

влияние радиации на человека фото O corpo humano é capaz de regenerar células danificadas até que seu número exceda um certo nível crítico. Se esse limite for excedido, processos irreversíveis são acionados, levando a graves conseqüências ou até a morte.

As conseqüências da irradiação podem não aparecer imediatamente, mas depois de muitos anos. Além disso, a irradiação de curto prazo, mas intensiva, é mais perigosa do que suas múltiplas e pequenas doses.

Para avaliar o estado de radiação, existem vários parâmetros. A magnitude da dose absorvida caracteriza a capacidade da radiação de danificar as células dos tecidos. É esse parâmetro que determina o grau de exposição à radiação. É medido em Sievert (Sv).

Um fundo de radiação natural está sempre presente na natureza. O nível de irradiação externa, não excedendo 0,2 μS / h (microsievert por hora), é considerado a norma de radiação para uma pessoa. Esta é a situação quando eles dizem "o fundo de radiação é normal". Embora exista um "conceito sem limiar", de acordo com o qual não há dose segura de exposição à radiação. O nível superior de radiação a 0,5 μS / h é considerado seguro para o corpo, chamado dose permissível de radiação para uma pessoa. Este valor é equivalente a 50 microraventenos por hora.

радиация в жизни человека Acredita-se que, ao reduzir o tempo gasto na zona de perigo, o corpo humano transfere radiação com uma potência de 10 μS / h sem causar danos à saúde. Quero dizer fluorografia, raios-X. A imagem de raio-x de um dente doente acrescenta a este "banco piggy" insidioso outros 0,2 mSv. As figuras abaixo refletem apenas o perigo potencial. De fato, nenhum tipo de exame médico pode causar a doença da radiação.

A dose total absorvida não deve exceder um limiar de 100-700 mSv. Uma dose única de radiação de 6-7 Sv é considerada absolutamente fatal.

Não tente o destino - o instinto natural de autopreservação deve funcionar imediatamente quando um sinal de perigo de radiação aparece em seu campo de visão. O mais razoável é sair imediatamente desta zona. Lembre-se, a radioatividade tem a capacidade de acumular e a dose de radiação - para resumir.

Carregando ...